http://ricosurf.com.br/themes/ricosurf/

Entrevista - Carol Bonelli comemora títulos e se prepara para 2017

Autor: Administrador
Data da publicação: 02/12/2016 - 00:04h
Carol venceu a etapa de Saquarema do Circuito Pós 14 do Rio. Foto: arquivo pessoal.

A atleta Carol Bonelli, de Saquarema, já coleciona vários títulos aos 15 anos de idade. Só neste 2016 ela foi campeã do circuito Medina/ASM e vice no Grom Search Sub 16 (venceu a primeira etapa em Imbituba). Além disso ela foi a melhor numa prova do Estadual Pós 14 do Rio e participou do ISA Games na categorias Sub 16 que aconteceu em Portugal, ficando numa excelente 13ª posição.

Para saber mais sobre a Carol, que é apontada por muitos com uma atleta que vai nos representar bem no Circuito Mundial, nossa equipe entrou em contato e fez algumas perguntas.

Os planos, a rotina, viagens, competições e fãs fazem parte do menu de assuntos.

Confira:

Carlos Matias - O que está pensando para 2017?

Carol Bonelli - Meu foco é treinar e começar a correr as etapas do Pro Júnior e também do QS. Acredito que 2017 vá ser intenso, com muitas novidades. No meio do ano pretendo ir treinar na Califórnia, graças a passagem que ganhei sendo campeã do Circuito Medina/ASM. Também ganhei uma vaga no Instituto Medina e estou organizando a minha vida para não perder esta oportunidade. Ou seja, 2017 promete!

Como é sua rotina em Saquarema?

Treino todos os dias, nos melhores e piores mares, pois nas competições nos deparamos com vários tipos de ondas e formações, então procuro me habituar a todos os tipos.

Terça e quinta faço Treinamento Funcional específico para o surf com o preparador físico Juliano Lori (@inspiremovimento). Esse treino tem me ajudado muito, tanto no fortalecimento muscular, quando em uma maior conscientização das manobras. Essa é a minha rotina.

Carol treina em qualquer condições. Foto: divulgação.

Carol treina em qualquer condições. Foto: divulgação.



O que mais te atrai nas competições?

Tudo me atrai nas competições, o clima que fica na praia, a possibilidade de conhecer várias pessoas novas, as viagens, aquela adrenalina de organizar o equipamento, chegar na praia... Gosto até do frio na barriga que dá antes das baterias.

Amo surfar e estar no meio da galera que faz o mesmo que eu. É incrível! A competição te instiga a treinar mais, te dá meta, objetivo. E profissionalmente falando, as competições são o caminho para crescer no esporte.

Carol foi campeã do Circuito Medina/ASM. Foto: Jorge Mesquita.

Carol foi campeã do Circuito Medina/ASM. Foto: Jorge Mesquita.



Quais atletas te influenciam?

Me espelho em grandes surfistas, entre eles os brasileiros Silvana Lima e Gabriel Medina que representam o Brasil na elite do surf mundial com garra, determinação e muito surf no pé.

Também admiro o surf do Mick Fanning e da Carissa Moore. São dois grandes surfistas, cheios de estilo e altíssimo nível de surf e que também sabem competir.

Gosto de ver vídeos de vários profissionais e vou tentando buscar um pouco do que admiro em cada um.

E seus planos de viagem, como estão?

Todo ano procuro fazer viagens de treinos. Já tive a oportunidade de surfar no Hawaii, Califórnia (Santa Cruz), Peru, Panamá e Portugal (participando do ISA Games), mas como quero correr as etapas do Pro Júnior e as do QS tenho que dar uma economizada, então por enquanto só tenho garantida uma viagem para a Califa com a passagem que ganhei no Circuito Medina/ASM. Mas com certeza farei outras. Assim que saírem os cronogramas dos campeonatos vou me organizar.

Carol representou o Brasil no ISA Games de Portugal. Foto: arquivo pessoal.

Carol representou o Brasil no ISA Games de Portugal. Foto: arquivo pessoal.



Você interage com seus fãs? E como é a Carol nas mídias sociais?

Sim, tenho muitas pessoas que me seguem, falam comigo, me dão opiniões, pedem dicas ou simplesmente deixam mensagens de apoio e estímulo ao meu surf. Fico muito feliz com essa aceitação e procuro responder o máximo possível dos comentários. Para me ajudar na viagem para o campeonato de Portugal, fiz uma festa que lotou. Muitas pessoas queriam me ajudar e até hoje me perguntam quando farei outra. rs

Eu uso as redes sociais para mostrar meu dia a dia no surf, mostrar o meu trabalho, os produtos que uso dos meus apoiadores, divulgar o surf e mostrar que a minha geração está aí, dando o seu melhor para conseguir seu espaço. Tenho muitos seguidores no Instagram (@carolbonelli_oficial), no Face (Carol Bonelli) e no Snap (Carol_Bonelli).

E os patrocínios?

Sem dúvida a Guaraviton me fortaleceu ao acreditar em mim. Eles me deram, através do patrocínio, mais oportunidades de investir na minha carreira. Vamos agora para 2017 para mais um ano de parceria e só tenho a agradecer a está marca que é uma família para mim. Visto mesmo a camisa e sou muito agradecida “atletaguaraviton.

Também conto com o apoio do shaper Joca Secco, da Soul Fins (acessórios para surf), Krugans Praia (surfwear) e a loja Vila Beach Surf aqui de Saquarema que me apoia desde os 9 anos.

Todas essas marcas se dedicam ao surf e ao apoiarem um atleta dão condições a esse atleta de investir mais na sua carreira e crescer, e quando os resultados aparecem acredito que todos ficam felizes!

Carol tem o patrocínio da Guaraviton. Foto: divulgação.

Carol tem o patrocínio da Guaraviton. Foto: divulgação.



Deixe um recado para a galera que acessa o Ricosurf.

Aí galera que tem o surf como paixão, estilo de vida ou que somente gosta de saber o que acontece mundo a fora com nossos surfistas, não se assustem se de repente só pensarem nas ondas, manobras, previsão do tempo, horário das marés, parais e qual a próxima surf trip, esses são sintomas normais de quem foi fisgado por esse universo do surf.

Então fiquem conectados aqui no Ricosurf que irão saber de tudo! Ah, e me sigam nas redes! Aloha!

Ricosurf / Por Carlos Matias





  • Notícias relacionadas

  •  

Outras notícias de Entrevistas







Carregando dados...

mail

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos, promoções e novidades do portal .com



© 2017. Todos os direitos reservados
  • Acompanhe o Ricosurf