Silvana lesiona o joelho em J-Bay e está fora da etapa sul-africana

Brasileira caiu da prancha durante a primeira fase e sentiu a lesão


Silvana Lima está fora do CT J-Bay 2018. Nesta sexta-feira, primeiro dia da etapa feminina da prova sul-africana, a brasileira caiu numa onda durante o round 1 e lesionou o joelho direito. A surfista ainda vai passar por exames para saber a gravidade da lesão.

Silvana Lima (CE). Foto: WSL / Kelly Cestari.

Silvana Lima (CE). Foto: WSL / Kelly Cestari.



Na manhã em que as ondas chegavam a 1,5m de altura em Jeffreys Bay, Silvana marcou as notas 7,00 e 6,83 na estreia e terminou em segundo lugar na bateria vencida pela australiana Bronte Macaulay. A sul-africana Nicole Pallet terminou na terceira posição. A brasileira enfrentaria a havaiana Malia Manuel na repescagem, porém abandonou a competição devido ao problema no joelho.

A brasileira já sobreu lesões sérias nos dois joelhos. Em 2011 rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e no ano seguinte teve a mesma lesão na perna direita.

"Na minha segunda onda, estava surfando bem e na hora de finalizar a perna direita, a de trás, saiu e ficou a da frente e acabei sentindo a esquerda. Dei um tempo, vi que não senti dor na hora e corri na praia pra trocar a prancha para testar. Foi tranquilo, voltei ao mar e quando fui dropar a onda o joelho direito, de trás, bambeou, como se estivesse solto, o que não me deu confiança. Fiquei insegura, surfei leve, mas voltei a sentir o joelho direito. O médico disse que estou aliviando o joelho da frente pressionando o de trás e isso é preocupou, por conta da operação que tinha feito. Agora eles querem saber se isso é normal ou se é por conta de fraqueza ou problema de estiramento. Agora é esperar a ressonância. O mar aqui é forte, tá balançado, forçaria ainda mais o joelho então optamos por parar. Agora vou voltar ao Brasil para cuidar disso", comentou Silvana.

A surfista no momento está em nono lugar no ranking, tendo conquistado seus melhores resultados no ano em Bells Beach (3ª) e em Saquarema (5ª).

Comentários