Acidentes no Hawaii - Bruxa solta no North Shore


Villaran quebrou a fíbia após ser atingido por uma onda em

Pipeline. Foto: Surfline.

Quando Netuno liga a máquina no Hawaii isso quer dizer muitas ladeiras íngremes para o surfistas, muitos barrels profundos e um maior risco de acidentes.

Nesta semana vários picos do North Shore da ilha de Oahu funcionaram e a galera se jogou. A maioria se deu bem, mas outros não. Foi o caso do fotógrafo e filmmaker Keale Lemos, filho do brasileiro Bruno Lemos, e do peruano Gabriel Villaran.

O caso de Keale aconteceu em Waimea na quarta-feira. Ele estava surfando quando vacou e levou uma forte pancada de sua gun na cabeça. “Surfar ondas grandes não é brincadeira. Estou agradecido que meu filho está vivo. Hoje (quarta-feira), após tomar uma séria vaca, a sua prancha bateu em sua cabeça com força e ele apagou. O 'broada' Larry Hanes estava no jet ski e o ajudou. Os guarda-vidas também fizeram um trabalho incrível. Ele está no hospital em observação, mas está bem. Em breve vai estar na água novamente surfando e fotografando”, escreveu Bruno Lemos em suas mídias sociais.

Segundo a mãe de Keale, Claudia Saboia Lemos, o surfista acordou melhor nesta quinta-feira, lembrando mais das coisas e provavelmente terá alta. “Os médicos disseram que ele sofreu uma 'brain damage' (lesão no cérebro) pela forte pancada da prancha por isso a falta de memória, mas que vai se recuperar totalmente com os dias”.

Keale Lemos. Foto: reprodução Facebook.



Já o acidente do peruano casca grossa Gabriel Villaran aconteceu em Pipeline nesta quinta-feira. De acordo com relatos, Villaran estava se divertindo no pico quando ele remou numa fechadeira de tamanho médio que acabou virando sobre ele. A força do impacto foi grande e ele quebrou a “canela”, o osso da perna de nome tíbia.

Segundo Marco Giorgi, uruguaio radicado no Brasil, “a fratura estava quase exposta e Gabriel sentia muita dor. Foi uma fratura e obviamente ele não está bem, mas ele é uma pessoa forte e vai melhorar”. O peruano foi levado rapidamente para o hospital.

Veja IMAGENS DO MOMENTO DO ACIDENTE DE VILLARAN.

Neste mês de janeiro outros acidentes aconteceram. O brasileiro Felipe Gordo Cesarano levou uma lipada em Pipe e torceu o joelho e o havaiano Kalani Chapman foi parar no hospital após vacar e apagar dentro de um tubo também em Pipeline.

Comentários