http://ricosurf.com.br/themes/ricosurf/

Surf Trip - Willyam Santana nas perfeitas da Indonésia

Autor: Administrador
Data da publicação: 13/11/2016 - 00:03h
Willyam Santana treinou o grab rail na Indonésia. Foto: arquivo pessoal.

O freesurfer profissional Willyam Santana fala como foi sua primeira temporada na Indonésia.

Sempre quis conhecer a Indonésia. Na real, qual o surfista que não quer? Nunca pensei que iria em uma trip dessa acompanhado pelo meu shaper Edgar Gomes Edgo Surfboards, coisas dos sonhos, pois assim conseguimos desenvolver juntos as melhores pranchas e discutir o que está funcionando ou não, e claro, com ele na água me vendo surfar e tirando suas próprias conclusões.

Realmente é muito incrível aquele lugar, todos os dias ondas perfeitas quebrando sobre o reef, vento parado ou terral em algum lado da ilha.

Nossa viagem começou saindo do Rio, foram 6 horas de carro para o aeroporto de São Paulo, esperamos algumas horas para pegar nosso primeiro vôo, que durou 15 horas até Doha que fica no Emirados Árabes. Após Doha, esperamos mais algumas horas para o segundo voo, que foi para Ilha de Bali e que durou mais 9 horas!

Chegamos a noite e fomos direto para Uluwatu. Vi como era lindo, mas não tinha noção como era de dia, ver de cima do cliff as ondulações entrando, é coisas dos sonhos, esquerdas perfeitas com seções de manobra e tubo.

Passamos nossas duas primeiras semanas em Bali, surfando Uluwatu, Balangan, Pandawa, Kuta Reef, Bingin, Keramas, Green Ball etc. Íamos onde a previsão indicava o melhor pico.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.



Mas o melhor da surf trip foi ir para Sumbawa, que fica a uma hora e meia de Bali indo de avião. Confesso que logo que chegamos em Sumbawa para pegar o taxi e ir a Lakey Peak foi assustador, pois tinha uma pessoa que queria ir em nosso carro de carona falando que era local de Lakey, e é claro que não queríamos deixar o cara ir, pois não o conhecíamos e seu comportamento era muito estranho. Isso gerou um estresse e ele chegou até a ameaçar um dos nossos amigos.

Conseguimos acalmar o estresse e rolou a carona para evitar confusão, e para completar fomos orando com medo do taxista que ia correndo muito e não sabia dirigir direito. Foi uma adrenalina sinistra, mas graças a Deus chegamos bem.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.



Assim que chegamos era por volta de uma da tarde, o mar estava ruim por conta do vento, mas já deu para perceber que a ondulação estava maior que Bali. Estava um dia lindo, com bastante sol, daí fomos almoçar. Do nada veio uma pequena tempestade que durou cerca de uma hora. Quando parou fomos olhar o mar e parecia coisa de filme, altas ondas perfeitas, aquele mar espelhado sem uma gota d'agua fora do seu lugar.

Que tarde de surf incrível! A onda era muito boa e logo vi que ali seria o melhor pico da surf trip e realmente foi, passamos uma semana em Sumbawa surfando Lakey Peak, Coblestone, Nungas e Periscope, mas o melhor pico foi Lakey Peak. A onda é um triangulo perfeito, mas as esquerdas eram um pouco melhores e mais longas que as direitas.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.

Willyam Santana. Foto: arquivo pessoal.



Por Willyam Santana





  • Notícias relacionadas

  •  

Outras notícias de Surf Trip







Carregando dados...

mail

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos, promoções e novidades do portal .com



© 2017. Todos os direitos reservados
  • Acompanhe o Ricosurf