Arrawaii de Surf Amador 2017 é sucesso na Região dos Lagos

Etapa começou na Praia Grande de Arraial e terminou na Praia do Foguete, em Cabo Frio


No último fim de semana Arraial do Cabo sediou o Arrawaii de Surf Amador 2017. Aberto à competidores de todo estado do Rio de Janeiro, o campeonato foi organizado pela Associação de Surfe de Arraial do Cabo (Nova ASAC) em parceria com a SurFigueira, e supervisão técnica da Federação de Surfe do Estado do Rio de Janeiro (FESERJ).

Foto: divulgação.

Foto: divulgação.



Programado para os dias 25 e 26 de novembro, a Praia Grande foi o palco escolhido pelos organizadores do evento para que os atletas exibissem suas performances e manobras ao público expectador.

Realizado com intuito de incentivar e promover  o surfe amador na Região dos Lagos, o convite ao Arrawaii foi muito bem recebido pela comunidade do surfe, de forma que tivemos competidores vindos de diversos lugares do estado, com destaque para a presença de  atletas locais de Arraial do Cabo e seus Distritos (Figueira e Monte Alto), Cabo Frio, Saquarema, Búzios, Niterói e Recreio do Bandeirantes, RJ; além da presença de uma atleta de Ubatuba, SP. Todos inscritos nas sete (07) categorias abertas aos competidores: Iniciantes (sub-14), Mirim (sub-16), Júnior (sub-18), masculino Open, Master (acima de 35 anos), Longboard Open e Feminino Open.

O 1º dia de competição aconteceu na Praia Grande, altura das dunas, próximo aos estacionamentos. O dia amanheceu com céu limpo, pouco vento e ondas de 0,5m a 1m com boa formação, dando impressão de um cenário perfeito para a competição. No entanto, ao início das baterias as condições já apresentavam algumas mudanças. O vento foi ficando mais forte aos poucos, e as ondas, embora continuassem apresentando uma boa formação inicial, em sua maioria acabavam fechando rapidamente, limitando uma melhor performance dos atletas.

Foto: divulgação.

Foto: divulgação.



Apesar das condições desfavoráveis dificultando que os atletas realizassem mais de uma ou duas manobras por onda, o alto nível técnico dos competidores pode ser visto nas baterias. Nessas condições as baterias prosseguiram ao longo da manhã e início da tarde.

Com a alta da maré prevista para as 16h, eram grandes as expectativas e possibilidades de melhores condições à partir do meio da tarde. Entretanto o vento ficou cada vez mais forte, alcançando mais de 30 nós à partir do meio pro fim da tarde, de forma que as 17h a comissão técnica do evento decidiu pela paralização das baterias e prosseguimento do campeonato no dia seguinte.

Domingo a Praia Grande amanheceu sem onda, como se anunciasse estar de “folga” à competição. Após conferidas as condições do mar nas praias da Figueira e Monte Alto, ambas em Massambaba, e também sem ondas, decidiu-se pela transferência do campeonato para a praia do Foguete, em Cabo Frio.

As ondas estavam pequenas no Foguete (0,5m), porém as condições eram melhores que no dia anterior. A arrebentação estava distante da praia e a maioria das ondas abriam por boas extensões, permitindo que os atletas realizassem 2,3…ou até 4 boas manobras por onda. Nem o vento forte e o mar mexido foram capazes de impedir o excelente desempenho apresentado pelos competidores, para alegria da galera que pode assistir exibições de surfe no mais alto nível. Nessas condições foram para a água as baterias das categorias femininas e longboard, além das baterias finais das demais categorias.

Foto: divulgação.

Pódio categoria Júnior. Campeão João Quintanilha, atleta de Monte Alto, Arraial do Cabo. Foto: divulgação.



As baterias finais foram muito equilibradas em todas as categorias, afinal estavam em disputa excelentes premiações, com destaque para as quatro (04) pranchas de surfe “zeradas” especialmente feitas pelos patrocinadores Master do Arrawaii, os shapers surfboards Hamurabi, Double 10, Daniel Bertolossi e Fábio Ribeiro, e oferecidas aos campeões das categorias Iniciantes, Mirim, Júnior e Open. Era cada “foguetinho” mais lindo que o outro ali expostos, com certeza dando um gás à mais aos competidores.

Algumas presenças especiais deram um brilho extra ao Arrawaii, com destaques para os surfistas Victor Ribas, grande orgulho de Cabo Frio e toda Região dos Lagos, e seu filho Lucas Ribas, esse faturando a 1ª colocação na categoria Iniciantes, levando pra casa uma prancha como premiação, e assim representando Cabo Frio e a Família Ribas à altura que merecem. E “Vitinho”, é claro, com sua presença certamente transmitiu valores importantes aos meninos que sonham e batalham por um início de carreira. Destacar também a presença do melhor programa em cobertura esportiva da Região dos Lagos, Monique e sua equipe Xtreme Esportes lá estavam prestigiando o Arrawaii.

Destaque para os atletas locais Bernardo Ribeiro e João Quintanilha, faturando o 1º lugar nas categorias Mirim e Júnior, respectivamente, cada um levando uma prancha pra casa como premiação.

Foto: divulgação.

Pódio da categoria Feminina. Foto: divulgação.



Não satisfeitos, nossos representantes locais ainda incomodaram nas categorias de cima: Bernardo Ribeiro ficando em 4º lugar na categoria Júnior e João Quintanilha em 3º lugar na categoria Open, ambos representando Arraial do Cabo em alto nível. Destaque também para as quatro (04) competidoras  da categoria feminina, Jéssica Bianca, Daniele Piccolo, Vanessa Soly e Renata Canizares, que se deslocaram do Rio para prestigiar o evento e representar as meninas, e dentro d’água mostraram um surfe da melhor qualidade.

E assim, o surfe e toda sua comunidade foram os grandes beneficiados pelo evento. Aloha e até o próximo galera!

A classificação final das sete (07) categorias ficou assim:

Categoria Iniciantes:

Campeão: Lucas Ribas

Vice-campeão: Yan Costa

3º lugar: Adrian Felipe

4º lugar: Adrian Gusmão

Categoria Mirim:

Campeão: Bernardo Ribeiro

Vice-campeão: Felipe Oliveira

3º lugar: Carlos Guilherme

4º lugar: Kauai Marinho

Categoria Júnior:

Campeão: João Quintanilha

Vice-campeão: Juninho Malta

3º lugar: Daniel Domingos

4º lugar: Bernardo Ribeiro

Categoria Open:

Campeão: Theo Fresia

Vice-campeão: Airton Dylan

3º lugar: João Quintanilha

4º lugar: Kedian Zamora

Categoria Master:

Campeão: Deyvison Ferreira

Vice-campeão: Gustavo Monteiro

3º lugar: Júnior Laviola

4º lugar: Daniel Bertolossi

Categoria Longboard:

Campeão: Patrick Ribeiro

Vice-campeão: Carmanho

3º lugar: Marcelo Duarte

4º lugar: Wudson Correa

Categoria Feminina:

Campeã: Jéssica Bianca

Vice-campeã: Daniele Piccolo

3º lugar: Vanessa Soly

4º lugar: Renata Canizares

Comentários