Black Belt Pro Surf - Gabriel Sodré vence em Ubatuba com os fogutes Kronig

Carioca faturou a principal categoria do evento


Aconteceu no último fim de semana, na Praia Grande de Ubatuba, o Black Belt Challenger Pro Surf 2018, competição para a galera do Jiu Jitsu que pega onda.

Gabriel Sodré surfou muito bem com o foguete Kronig e venceu a principal categoria. Frame.

Gabriel Sodré surfou muito bem com o foguete Kronig e venceu a principal categoria. Frame.



Na principal categoria o carioca Gabriel Sodré @surfergabrielsodre surfou muito com as pranchas do shaper Kronig @kronigdesign e foi o grande campeão. O carioca Leo Leite também chegou a final surfando com os foguetes Kronig e terminou na quarta posição.

Gabriel, Kronig e Leo. Foto: divulgação.

Gabriel, Kronig e Leo. Foto: divulgação.



Confira o relato do campeão Gabriel Sodré:

Pela segunda vez fui convidado a participar do campeonato Black Belt Challenger Pro Surf, evento onde a categoria principal é apenas para faixas pretas. Desta vez o evento rolou na Praia Grande, em Ubatuba, em condições muito difíceis, ondas pequenas e fechando bastante.

Na primeira vez q disputei o Black Belt Challenger Pro Surf eu era o único carioca entre os paulistas. Desta vez teve reforço na equipe e fomos em três para competir, além do meu shaper Kronig que foi o técnico e o videomaker.

Eu e o Leo leite fomos na categoria Black Belt e fizemos a final juntos. Levei também o Alexandre Oliveira, aluno da nossa academia, faixa roxa, para representar na categoria Open Class (para atletas da faixa azul a marrom). Esquilo, como é conhecido, foi até a semifinal.

Os finalistas Daniks, Leo, Gabril e Marcelo. Foto: divulgação.

Os finalistas Daniks, Leo, Gabril e Marcelo. Foto: divulgação.



A final da categoria Black Belt foi muito disputada, com fortes nomes. Além de mim e do Leo, a lenda do surf brasileiro Daniks Fischer e Marcelo Morcego também estavam na final.

Eu estava usando uma prancha mágica do Kronig, e apesar das difíceis condições, consegui andas na marolas. Busquei imprimir bastante força no meu surfe em ondas que proporcionassem 2 ou 3 manobras. Essa tática deu certo e me levou a vitória, seguido pela lenda Daniks Fischer, Marcelo Morcego e do meu companheiro de equipe Leo Leite que terminou na quatra colocação.

Comentários