CT França 2018 - Filipe, Medina, Italo e Adriano no round 3

Dos quatro só o líder do ranking Filipinho precisou passar pela repescagem


Finalmente começou a etapa masculina do CT França 2018, e dos quatro primeiros do ranking apenas Filipe Toledo não venceu na estreia, porém se recuperou na repescagem e se juntou a Gabriel Medina, Ítalo Ferreira e Adriano de Souza no round 3.

Assista as disputas AO VIVO.

A terça-feira teve altas ondas de 1,5m em Culs Nus, Hossegor, e 14 baterias dos homens foram realizadas, além das últimas três da repescagem feminina.

Gabriel Medina soltou as pancadas de backside. Foto: WSL / Masurel.

Gabriel Medina soltou as pancadas de backside. Foto: WSL / Masurel.



Ítalo Ferreira, atual quarto colocado no ranking, começou bem o CT França 2018, e logo no início da disputa pegou uma direita da série e soltou duas pancadas para arrancar 7 pontos. Depois pegou outra direita, menor, e soltou várias manobras para colocar 6,40 pontos no seu somatório e deixar o havaianno Keanu Asing em segundo e Yago Dora em terceiro.

Italo Ferreira. Foto: WSL / Poullenot.

Italo Ferreira. Foto: WSL / Poullenot.



No duelo seguinte Julian Wilson, terceiro no ranking, fez muito bonito. Em sua segunda onda fez a maior nota da competição até o momento, 8,50 pontos, num tubo longo somado a um ollie up e uma batida. Pior para o português Frederico Morais (2o) e para Wiggolly Dantas (3o) que caíram para a repescagem.

Julian Wilson. Foto: WSL / Poullenot.

Julian Wilson. Foto: WSL / Poullenot.



O vice-líder Gabriel Medina não teve vida fácil contra Tomas Hermes e o australiano Ryan Callinan, que foi convidado para a etapa. Mas o brasileiro soltou as manobras de backside e passou apertado para o round 3. Tomas ficou em segundo e Ryan em terceiro.

O líder Filipe Toledo entrou na sequência. Nem ele nem seus adversários encontraram ondas com potencial para notas altas, mas o australiano Connor O'Leary conquistou duas notas médias e venceu. Filipinho conquistou a maior nota do confronto (5,77), porém ficou na segunda posição, a frente do francês Jorgann Couzinet, que recebeu um convite da WSL para participar do evento.

Filipe Toledo. Foto: WSL / Masurel.

Filipe Toledo. Foto: WSL / Masurel.



Porém na repescagem Filipinho mostrou seu surf. Na melhor apresentação escovou uma canhota com quatro manobras e arrancou 8,17, que somados aos 7,67 que ele já havia conquistado, deixou o convidado Jorgann precisando de uma combinação de notas para reverter o resultado.

Voltando a primeira fase, a terceira vitória brasileira no round aconteceu com Adriano de Souza, que não deu chances para seus adversários. Em sua melhor performance, Adriano atacou uma direita e arrancou 7,17 pontos. Miguel Pupo (2o) e o australiano Wade Carmichael (3o) vão ter que encarar a repescagem.

As outras derrotas brasileiras vieram nas baterias seguintes. Ian Gouveia foi com vontade pra cima das direitas, sendo vertical e agredindo a junção, porém os juízes gostaram mais do surf de borda do australiano Adrian Buchan que pulou para o round 3. O norte-americano Kolohe Andino ficou em último no duelo.

Michael Rodrigues ficou totalmente perdido no confronto de número 9. Pior pra ele e para o japonês Kanoa Igarashi (2o), pois o norte-americano Patrick Gudauskas estava empolgado, destruiu uma direita e uma esquerda e venceu.

Na bateria seguinte Jesse Mendes procurou as ondas, mas o norte-americano Griffin Colapinto estava conectado e manobrou bem nas esquerdas para conquistar a vaga na terceira fase. O taitiano Michel Bourez ficou em segundo lugar. E após a vitória do australiano Mikey Wright, Willian Cardoso surfou apenas duas ondas e ficou atrás do australiano Joel Parkinson. O francês Jeremy Flores terminou em terceiro.

Feminino

Hoje rolaram as três últimas disputas da repescagem feminina e as vitoriosas foram as australianas Sally Fitzgibbons e Macy Callaghan e a norte-americana Courtney Conlogue.

Próxima chamada

A próxima chamada para a etapa acontece nesta quarta-feira às 2h45 no horário de Brasília.

Assista as disputas AO VIVO.

Round 2 Feminino


4: Sally Fitzgibbons (AUS) 12.93 x Pauline Ado (FRA) 6.54

5: Macy Callaghan (AUS) 8.43 x Nikki Van Dijk (AUS) 8.30

6: Courtney Conlogue (USA) 10.20 x Sage Erickson (USA) 8.80

Round 3 Feminino


1: Carissa Moore (HAW), Johanne Defay (FRA), Vahine Fierro (PYF)

2: Stephanie Gilmore (AUS), Malia Manuel (HAW), Courtney Conlogue (USA)

3: Lakey Peterson (USA), Coco Ho (HAW), Bronte Macaulay (AUS)

4: Tatiana Weston-Webb (BRA), Sally Fitzgibbons (AUS), Macy Callaghan (AUS)

Round 1 Masculino

1: Jordy Smith (ZAF) 13.86, Ezekiel Lau (HAW) 13.33, Matt Wilkinson (AUS) 11.07

2: Sebastian Zietz (HAW) 10.70, Owen Wright (AUS) 10.56, Joan Duru (FRA) 9.50

3: Italo Ferreira (BRA) 13.40, Keanu Asing (HAW) 10.70, Yago Dora (BRA) 4.57

4: Julian Wilson (AUS) 13.67, Frederico Morais (PRT) 10.46, Wiggolly Dantas (BRA) 7.74

5: Gabriel Medina (BRA) 11.93, Tomas Hermes (BRA) 11.26, Ryan Callinan (AUS) 10.33

6: Connor O'Leary (AUS) 10.17, Filipe Toledo (BRA) 9.10, Jorgann Couzinet (REU) 4.00

7: Adriano de Souza (BRA) 13.50, Miguel Pupo (BRA) 8.50, Wade Carmichael (AUS) 8.00

8: Adrian Buchan (AUS) 13.43, Ian Gouveia (BRA) 13.23, Kolohe Andino (USA) 9.97

9: Patrick Gudauskas (USA) 13.90, Kanoa Igarashi (JPN) 6.67, Michael Rodrigues (BRA) 1.50

10: Griffin Colapinto (USA) 14.24, Michel Bourez (PYF) 11.90, Jesse Mendes (BRA) 10.83

11: Mikey Wright (AUS) 15.30, Conner Coffin (USA) 13.73, Michael February (ZAF) 10.77

12: Joel Parkinson (AUS) 10.93, Willian Cardoso (BRA) 8.67, Jeremy Flores (FRA) 5.90

Round 2 Masculino

1: Filipe Toledo (BRA) 15.84 x Jorgann Couzinet (FRA) 7.77

2: Ryan Callinan (AUS) 16.10 x Owen Wright (AUS) 12.17

Próximas baterias:

3: Wade Carmichael (AUS) x Wiggolly Dantas (BRA)

4: Kolohe Andino (USA) x Keanu Asing (HAW)

5: Kanoa Igarashi (JPN) x Joan Duru (FRA)

6: Michel Bourez (PYF) x Matt Wilkinson (AUS)

7: Willian Cardoso (BRA) x Miguel Pupo (BRA)

8: Jeremy Flores (FRA) x Ian Gouveia (BRA)

9: Conner Coffin (USA) x Jesse Mendes (BRA)

10: Michael Rodrigues (BRA) x Michael February (ZAF)

11: Ezekiel Lau (HAW) x Tomas Hermes (BRA)

12: Yago Dora (BRA) x Frederico Morais (PRT)

Comentários