Equipamento: por quê ter uma Powerlight no seu Quiver?

A Powerlight tem na sua essência a utilização de tecnologias diferenciadas e materiais nobres para o controle de flexibilidade, resistência e peso, precursora em apresentar para o mercado brasileiro


 

A Powerlight tem na sua essência a utilização de tecnologias diferenciadas e materiais nobres para o controle de flexibilidade, resistência e peso, precursora em apresentar para o mercado brasileiro pranchas sem a longarina tradicional, usando fibra de carbono, kevlar e lâminas de madeira. Testei exaustivamente os materiais, utilizando-os de diferentes formas: Full carbon, Kevlar/carbon, Carbon rail, Carbon wraps, Ghost e madeira. Desde o início das pesquisas, sempre fui um entusiasta do carbono e do kevlar, mas para a minha surpresa as pranchas feitas com revestimento de lâminas de madeira foram se destacando ao longo dos testes. São pranchas leves que duraram mais do que as outras e apresentaram as melhores performances dentro d'água, e por isso acabaram se tornando as minhas pranchas oficiais.

Quiver Powerlight - Foto: divulgação.

Com tudo isso, como não poderia ser diferente, as pranchas de lâmina de madeira se tornaram o carro chefe da Powerlight, e hoje em dia representam 95% das encomendas. No início algumas pessoas associaram o aspecto amadeirado com pranchas retrô, mas quando pegam a prancha na mão e sentem a leveza já percebem que são pranchas de alta performance. E quando experimentam, aí sim percebem o diferencial de flexibilidade e peso, uma prancha leve e firme, que flexiona por inteiro e retorna rápido da flexão. Bem diferentes da prancha de epoxy comuns de fibra de vidro e longarina, que são pranchas mais macias, as Powerlight de madeira mais se parecem com as pranchas de PU, porém mais leves. 

         

Teco testando o drive de uma Powerlight - Foto: divulgação

Isso encanta logo no primeiro contato. Meus amigos foram experimentando e aderindo, o Teco Padaratz, assim como eu, usa só de madeira e assim tem sido a nossa experiência e o resultado do nosso trabalho, vem colocando a madeira como o melhor material para o revestimento de pranchas de alta performance. Nossa última criação foi a Tail Flex, que é nossa prancha de madeira porém sem uma das lâminas na área das quilhas, o que proporciona uma rabeta mais flexível, para quem gosta de uma radicalidade extra nas manobras.

Se você ainda não experimentou uma prancha sem longarina, revestida com lâminas de madeira e fibra de vidro, com a flexibilidade controlada, super leve e resistente, peça a do seu amigo emprestada e faça um teste drive ou entre em contato com a gente por aqui. Venha falar com nossos especialistas e ganhe uma consultoria grátis sobre prancha de surf neste link: https://oferta.powerlight.com.br/prancha-ideal-site

 

Comentários