Japão, a terra dos mundiais (que continue assim)

Assim como na Fórmula 1 e no futebol, molecada do surf vai ao oriente para buscar trazer ao Brasil o título do Mundial Junior


Quando se fala em Japão para os brasileiros apaixonados por esporte, a primeira lembrança são os títulos. Seja os de Nelson Piquet e Ayrton Senna na F1, a Copa do Mundo de 2002, os diversos títulos mundiais interclubes no futebol e, mais recentemente, a Copa dos Campeões de Vôlei, a Terra do Sol Nascente é um ótimo lugar para os esportistas brasileiros e caberá à molecada do surf tentar fazer jus a essa tradição na disputa do Mundial Júnior que tem início neste fim de semana.

O evento está marcado para acontecer na praia de Okuragahama, na cidade de Hyuga, na ilha sul de Kyushi e tem também um atrativo extra: será o primeiro evento de surf envolvendo equipes após a confirmação do esporte nas Olimpíadas de 2020. Ou seja, é um evento onde as revelações do surf mundial que não chegaram aos 18 anos de idade serão tratados como gente grande.

 Lucas e Tainá: esperanças brasileiras no Japão. Foto: divulgação.

 Lucas e Tainá: esperanças brasileiras no Japão. Foto: divulgação.



Serão 12 os representantes brasileiros no campeonato. Entre os meninos temos Matias Ramos (CE), Eduardo Motta (SP), Deivison Santos (PE) e Raoni Ribeiro (CE) na sub18; já na sub16 competem Daniel Templar (RJ), Mateus Sena (RN), Lucas Vicente (SC) e Daniel Adisaka (SP). "Já competi em etapas da WSL e em alguns torneios internacionais, mas um Mundial é um Mundial. Gente como Fabio Gouveia, Gabriel Medina, Filipe Toledo, Jordy Smith e CJ Hobgood já foi campeã aqui. Seria uma honra poder me juntar a eles", comenta Lucas Vicente, um dos grandes destaques do cenário nacional.

As meninas serão representadas por Letícia Cavalcante (CE) e Luara Thompson (RJ), além de Tainá Hinckel (SC) e Carol Bonelli (RJ) na sub16. "Esse vem sendo um ano muito especial para mim, onde consegui participar da minha primeira etapa do CT no Rio como convidada e queria coroar essa temporada com esse título super importante", destaca Tainá.

Lucas Vicente tem o apoio de Billabong, Hot Buttered, Shapers Surf, Silver Bay Brasil, Tokoro Surfboards, Lambada de Frutas, Aktionpaz e Drive Thru Caldo de Cana.

Comentários