Pipe Masters - Próxima chamada nesta segunda-feira às 15h30

As ondas cresceram em Pipeline, mas as condições ficaram desfavoráveis para o surf


Este domingo foi o segundo dia consecutivo sem disputas no Pipe Masters, a etapa que vai decidir o título mundial de 2017 e que acontece na praia de Pipeline, no lado norte da ilha havaiana de Oahu.

Os candidatos ao título mundial de 2017. Foto: WSL / Poullenot.

Os candidatos ao título mundial de 2017. Foto: WSL / Poullenot.



Como previsto o mar ganhou força e as ondas tamanho no pico, mas as condições não estavam boas para o surf e o comissário da WSl, Kieren Perrow, decretou “day off”.

Próxima chamada

A próxima chamada foi marcada para esta segunda-feira, às 15h30 no horário de Brasília.

Assista as disputas AO VIVO.

Previsão das ondas

A previsão das ondas indica séries de até 8 pés nesta segunda-feira no pico havaiano. A terça vai amanhecer com ondas menores, mas a tarde volta a ganhar tamanho. Na quarta as séries podem passar dos 12 pés nas séries, e na quinta as ondas devem quebrar com alto em torno de 10 pés.

Até agora rolaram apenas as triagens, na última sexta-feira, e os havaianos Dusty Payne (campeão) e Benji Brand (vice) garantiram vagas no evento principal.

Connfira o que os adversários de John John precisam fazer e torcer para ficarem com o título mundial de 2017:

Se JJ chegar a final ele será o campeão mundial de 2017;

Se JJ chegar na semi, Medina tem que vencer para ser o campeão;

Se JJ parar nas quartas (5º lugar), Medina tem que vencer para ser o melhor do ano;

Se JJ para no round 5 (9º lugar), Medina precisa ficar em segundo e Jordy Smith em primeiro;

Se JJ ficar em 13º ou 25º (round 3 ou 2), Medina precisa chegar nas quartas de final, Jordy ficar em segundo e Julian Wilson vencer o Pipe Master.

Veja também o episódio 68 do programa "De Olho no Tour" a mais abaixo as baterias da primeria fase do Pipe Masters:



Round 1 do Pipe Masters

1: Matt Wilkinson (AUS), Jeremy Flores (FRA), Jadson Andre (BRA)

2: Owen Wright (AUS), Kanoa Igarashi (USA), Josh Kerr (AUS)

3: Julian Wilson (AUS), Conner Coffin (USA), Stuart Kennedy (AUS)

4: Jordy Smith (ZAF), Bede Durbidge (AUS), Ethan Ewing (AUS)

5: Gabriel Medina (BRA), Miguel Pupo (BRA), Benji Brand (HAW)

6: John John Florence (HAW), Wiggolly Dantas (BRA), Dusty Payne (HAW)

7: Adriano de Souza (BRA), Caio Ibelli (BRA), Jack Freestone (AUS)

8: Kolohe Andino (USA), Joan Duru (FRA), Kelly Slater (USA)

9: Filipe Toledo (BRA), Michel Bourez (PYF), Ezekiel Lau (HAW)

10: Sebastian Zietz (HAW), Adrian Buchan (AUS), Ian Gouveia (BRA)

11: Joel Parkinson (AUS), Connor O'Leary (AUS), Leonardo Fioravanti (ITA)

12: Mick Fanning (AUS), Frederico Morais (PRT), Italo Ferreira (BRA)

Comentários