Red Bull Airborne - Ítalo Ferreira voa mais alto em Dbah

Brasileiros são maioria na final do campeonato e Ítalo Ferreira conquista seu primeiro evento oficial de aéreos


Dois anos atrás, em Dbah, Ítalo Ferreira sofreu uma séria lesão no tornozelo ao tentar um aéreo monstruoso em Dbah. Na madrugada de hoje no Brasil, manhã / tarde na Asutrália, o potiguar faturou o título do Red Bull Airborne, competição exclusiva de aéreos.


Ítalo Ferreira comandou o show. Foto: WSL / Dunbar.

O brasileiro, que vem na melhor fase da carreira, foi um do seis finalistas do campeonato, se unindo aos também brasileiros Yago Dora, Filipe Toledo e Mateus Herdy, e aos australianos Mitch Parkinson e Reef Heazlewood. Ítalo começou jogando duro, acertou um aéreo full rotatiom de frontside, e passou a dominar as ações do espaço aéreo.


Ítalo Airlines em Dbah. Foto: WSL /  Cestari.

Após soar a buzina indicando o término do evento, Ítalo foi consagrado como grande campeão, seguido por Heazlewood, Yago Dora e Mitch Parkinson. Filipinho ficou com a 5ª colocação e Mateus Herdy terminou em 6º.


Yago Dora com surfe no pé. Foto: WSL /  Cestari.

O Red Bull Airborne é uma competição exclusivamente de aéreos e faz parte de uma série de eventos paralelos as competições do CT. A próxima etapa ocorre ao longo do CT de Bali, em Keramas, entre os dias 13 a 25 de maio, e depois na França, em outubro.


Final

1 - Italo Ferreira (BRA)
2  - Reef Heazlewood (AUS)
3 - Yago Dora (BRA)
4 - Mitch Parkinson (AUS)
5 - Filipe Toledo (BRA)
6 - Mateus Herdy (BRA)


Aéreo até na areia. Foto: WSL /  Dunbar.

 

Comentários