Surf e Sk8 - Yago Dora e Gabriel Fortunato em primeiro vídeo de série inédita

Clipe é o primiero da série intitulada “Content Series”



A Monster Energy acaba de lançar o primeiro vídeo de sua própria série intitulada “Content Series”. Com o objetivo de valorizar os action sports nacionais, a marca cria situações inusitadas entre atletas de diferentes áreas de atuação - ressaltando e acreditando no potencial destes.

Com produção realizada pela Spray Filmes, o primeiro vídeo - intitulado “Board Splash Out” - une o surf e o skate de uma maneira artística, materializando de maneira impactante algumas experimentações. Por meio de alguns artifícios, Gabriel Fortunato simula com o skate rastros e splashes comuns do surf feito pelo Yago Dora através da cuidadosa direção de Rodrigo Gameiro.

O catarinense Yago Dora, de 21 anos, começou tímido no surf brasileiro e logo se tornou promessa conquistando seu lugar na elite mundial. Especializado no freesurf, o jovem conquistou sua vaga na WSL ganhando destaque internacional e firmando-se como um dos principais nomes brasileiros do esporte. Apaixonado pelo street skate, Gabriel é grande destaque da nova geração do skate nacional e já acumula competições importantes como DEW Tour, em Los Angeles, e Nike AM Series, em Barcelona. Além disso, é promessa para os Jogos de Tóquio 2020.

A idealização do projeto é de Cristian Nillesen e Rafael Salles - Diretor de Marketing e Gerente de Comunicação da Monster Energy, respectivamente -, e está relacionada ao propósito da marca em dar mais visibilidade e apoiar atletas nacionais, marcando presença no cenário esportivo e proporcionando momentos e experiências únicas aos seus seguidores e fãs. “Com este projeto, temos o objetivo de fazer um cross entre atletas brasileiros gerando visibilidade a eles assim como conteúdo alinhado com o propósito da marca – sem perder a pegada agressiva da Monster Energy”.  A série ainda contará com vídeos com nomes como Leandro Overall, Fred Kyrillos, Atila Abreu, entre outros destaques dos action sports nacionais e de outros segmentos como o e-sports, por exemplo.

Comentários