Vídeo - Vitor Ferreira fala dos planos para o resto de 2018

“Minha meta é tentar finalizar o ano entre os 150 melhores”



“Ano passado corri algumas etapas do QS para ver como seria participar integralmente  do circuito, e esse ano decidi colocar o circuito como meta principal. Participei de seis etapas até o meio do ano e agora venho treinando para a perna europeia, além de Marrocos e daqui do Brasil e alguma outra possível outra etapa. Minha meta é  tentar finalizar o ano entre os 150 melhores”, Vitor Ferreira.

Vitor está com 18 anos e está na estrada competindo e viajando desde os 8, e agora está com certeza no momento mais difíicil como atleta, que é a transição do amador para o profissional.

“Minha carreira como amador graças a Deus foi muito boa e colhi bons frutos e títulos como o de campeão Brasileiro em 2014, Vice-campeão Brasileiro em 2016,  vice-campeão Carioca, campeão do Circuito ASBT e melhor brasileiro sub-16 no mundial ISA em 2016.

Participei de projetos bem legais com o Canal OFF como o “Kian Martin”, “Super Gromet´s - Hawaii”, “Linhas e Tubos” (está no ar) e “Super Gromet’s - Indonésia” (estreia em agosto).

Sempre busquei viajar bastante para surfar todos os tipos de ondas.  Comecei a ir para o Hawaii com 12 anos e não parei mais, pois lá é um dos lugares que mais gosto de surfar. Também estive algumas vezes na Indonésia, Mentawai, Peru, Califórnia, Chile, Costa Rica, Namíbia, El Salvador, Portugal, França, Israel, Açores, Martinica e Argentina, sempre  treinando ou competindo”.

Comentários