Capixaba Bodyboarding Brasil define os campeões brasileiros de 2021

Segunda e última etapa do Circuito Brasileiro de Bodyboarding será entre os dias 2 e 5 de dezembro, em Vila Velha, no Espírito Santo


 

Sócrates Santana - Foto: divulgação

Vila Velha será novamente a capital nacional do bodyboarding em 2021. A Barra do Jucu recebe o Capixaba Bodyboarding Brasil, confirmado para acontecer entre os dias 2 e 5 de dezembro. Na segunda e última etapa do Circuito Brasileiro serão definidos os campeões nacionais nas sete categorias: Profissional, Open, Master, todas nas categorias Masculino e Feminino, além da Sub-16 Masculino.

A Barra do Jucu volta ao cenário do bodyboarding brasileiro. Há pouco menos de dois meses, o local recebeu o Wahine Bodyboarding Pro, que abriu o Circuito Brasileiro. Uma das novidades para o evento que fecha o calendário da modalidade é o sistema de pico flutuante. O Capixaba Bodyboarding Brasil vai ser realizado em um dos picos da praia. Canto do Barrão, Escolinha, Cemitério ou Coral do Meio são as opções e a escolha será feita mediante as melhores condições de onda.

"A escolha do local será feita conforme as previsões e os atletas serão informados com antecedência. O principal objetivo é que as disputas ocorram nas melhores condições possíveis do mar e, dessa forma, garantir um nível ainda mais alto de competição", explica Marcelo Miranda, presidente da FEBBES.

As inscrições para o evento estão abertas e podem ser feitas pelo site https://www.e-inscricao.com/cbrasb/capixaba_bb_brasil_2021. A expectativa da organização é de que as vagas se esgotem rapidamente, assim como ocorreu na competição que abriu o calendário do circuito nacional.

Bicampeã brasileira em 2002 e em 2019, Joselani Amorim chega à Barra do Jucu como líder do ranking na categoria Profissional Feminino. A gaúcha vem de vitória no Wahine Bodyboarding Pro e tenta manter o primeiro lugar do ranking para celebrar o tricampeonato. Mesmo objetivo do carioca Sócrates Santana. Ele venceu a etapa de abertura e busca continuar na liderança ao final do Capixaba Bodyboarding Brasil para levar o título na categoria Profissional Masculino. Conquista que Sócrates já teve em 2018, quando foi campeão brasileiro.

Joselani Amorim - Foto: divulgação

O Circuito Brasileiro de Bodyboarding conta ainda com outras cinco categorias em disputa, todas amadoras. Lideram os rankings os seguintes atletas: Isa Nunes (Open Feminino). Gabriel Castro (Open Masculino), Elisangela Fragoso (Master Feminino), Tiburcio Neto (Master Masculino) e Roger Fusculin (Sub-16 Masculino.

O Capixaba Bodyboarding Brasil oferece R$ 21.600,00 em dinheiro para as categorias profissionais, além de pranchas, nadadeiras, troféus e kits para todos os finalistas nas categorias amadoras.

Comentários