Entrevista exclusiva: Kiany Cristina, radicalidade e talento

SURFE FEMININO


 

Kiany tem no surfe de backside seu forte - Foto: arquivo pessoal 

Os talento dos atletas brasileiros em todas as modalidades não é novidade. Temos campeões mundiais e medalhistas olímpicos no futebol, vôlei, judô, surfe, skate, bodyboard, iatismo, tênis. A mais recente força brazuca veio do mar através dos surfistas brazucas que conseguiram ser os melhores do mundo em várias modalidades.

Entretanto, uma das categorias merece ser olhada, e incentivada, com carinho, é a feminina. Hoje temos Silvana Lima e Tatiana Weston-Webb como representates nas Olimpíadas e CT, porém ainda há muitos talentos espalhados no Brasil.

E uma delas é a jovem de Ubatuba, Kiany Cristina, 21 anos, surfe radical, com estilo bonito e muito ainda a evoluir. Em nossa série de entrevistas com mulheres, conversamos com Kiany sobre surfe, preparação física, equipamentos, entre outros assuntos. Vale o drop!

Kiany com mais um troféu para a coleção - arquivo pessoal 

- Gerson Filho - Como tem sido a sua rotina em tempos de pandemia?

Kiany Cristina - Muito bom não consigo ficar parada rsrs. Andei de skate em casa, fiz umas flexões, abdominais, li uns livros...

- Gerson Filho - Como foi seu primeiro contato com o surfe?

- Kiany Cristina - Foi lindo pra mim eu ameiii! Foi com 11 anos, na praia do Pereque Açu, com meu irmão e meus pais.

Kiany passando co  velocidade em Ubatuba - arquivo pessoal

- Gerson Filho - Qual foi a sua melhor surf trip?

- Kiany Cristina - Nunca fiz.

- Gerson Filho - Quem são os surfistas que lhe inspiram?

- Kiany Cristina - No feminino Suelen Nareiza, Tatiana Weston-Webb, Silvana Lima ,Tita, Maya gabeira .Me inspiro nelas. Entre os homens, meu irmão Kellyrson Cypriano, Kelly Slater, Filipe Toledo, Ítalo Ferreira, Adriano de Souza, John John, Carlos burle ...Me inspiro neles

- Gerson Filho - O que você achou da criação do Instagram "Surfistas negras"?

- Kiany Cristina -Eu ameiii. Ajuda muitas meninas e mulheres negras a se unirem e não se sentirem sozinhas nessa vida.

- Gerson Filho - Quando você percebeu que tinha talento para competir?

- Kiany Cristina - Aos meus 14 anos e aí não parei mais amo competir, viveria competindo se pudesse seria como kelly Slater.

- Gerson Filho - Quem é seu shaper atual?
Superkort.

Kiany em ação - arquivo pessoal 

- Gerson Filho - Você já sentiu algum tipo de preconceito por conta de ser negra?

- Kiany Cristina Sim muitas vezes e ainda passo por isso não e fácil .

- Gerson Filho - O que você diria para quem acha que preconceito é "mi,mi,mi"?

Kiany Cristina - Diria que existe sim preconceito, e que não desejo isso a ninguém. Eu passei por isso nas escolas, na rua e mesmo agora fazendo 21 anos. Dependendo do lugar que eu vá, as pessoas falam coisas ruins, e não é uma pessoa...infelizmente são muitas! Então nunca fale que isso ( racismo) não existe porque existe sim. Torço para que nenhuma pessoa precise passar por isso, preconceito, ninguém merece isso.

Kiany Cristina  - arquivo pessoal

- Gerson Filho - O que você diria para um empresário que está lendo essa entrevista e pensa em te patrocinar?

Kiany Cristina - Obrigada por ler minha entrevista. Aqui consegui mostrar um pouco do meu trabalho e da minha vida. Sigo na luta e aguardando uma oportunidade!

- Gerson Filho - Quais são os pontos fortes e os pontos a serem trabalhados em seu surfe?

Kiany Cristina - Meu ponto forte no surf é meu backside. Meus ponto a ser trabalhado meu surf, é meu front side. Mas mando uns laybacks bem legais! rsrs...

Kiany e sua família - arquivo pessoal

- Deixe uma mensagem para os leitores do Ricosurf.com
Obrigada ao Ricosurf.com Obrigada a todos que leram um pouco de mim .Obrigada Deus. Obrigada mãe Elaine Cristina, Pai Anderson Cypriano, por me colocarem no mundo do surf. E nunca desista de seus sonhos e objetivos tmjs.

 

 


Kiany trabalha como guarda-vidas temporária para manter seus custos com o surfe competição

PERFIL:

-Nome: kiany Cristina Ambrosio Soares Cypriano
-Idade:21
-Local de nascimento:Ubatuba
- Melhores resultados em competições?
2019 - Campeã do Campeonato Ubatuba Pro Surf - na categoria profissional
2019 - Campeã do Campeonato de Caraguá Categoria Open. Venceu melhor onda, melhor manobra.
2019 - Campeã Campeonato Sapê, categoria Open
2019 - Bicampeã do Puc Surf.

Comentários