Alagoano Amando Tenório vence o Maresia Pro Taíba e conquista o título de Campeão Cearense

SURF


 

Armando Tenório - Foto: Lima Junior 

No últim domingo, 21/12, o alagoano local da Praia do Francês, Amando Tenório, venceu a categoria Profissional do Maresia Pro Taíba, segunda e última etapa do Circuito Cearense de Surfe 2020, que finaliza nesta segunda-feira (23) nas ondas da Praia da Taíbinha, município de São Gonçalo do Amarante.O dia começou com ondas de meio metro e mais uma vez um verdadeiro show dos profissionais. E logo na primeira bateria o postulante direto ao título do Circuito, Jhone Fran, que chegou na Taíba com a quarta colocação do Ranking, foi eliminado, deixando o caminho completamente livre para o potiguar.

Vista aérea do evento - Foto: Lima Junior

Contudo, Jhone não foi o único favorito a se despedir da competição nas oitavas de final. Alan Jhones, Campeão Cearense 2019 e Artur Silva, Campeão Brasileiro também de 2019 deram adeus ao evento. Mas, a principal baixa nas oitavas ficou por conta da derrota do líder do ranking, o potiguar Israel Júnior, que em um momento delicado do mar, não conseguiu encontrar as ondas encerrando sua participação na nona colocação do evento.

Na sequência pouco a pouco outros grandes nomes foram sendo eliminados, como o cearense Heitor Alves que ficou nas quartas de final. As baterias das semifinais poderiam muito bem ter sido cada uma, uma final, com disputas eletrizantes incendiando as ondas da Taíbinha e levantando a galera que acompanhava da areia. E como para uns vencerem outros têm de perder, os cearenses Charlie Brow e Marcus Cintra terminaram o evento na sétima colocação e os pernambucanos Luel Felipe-PE e Thiago Silva-PE finalizaram suas participações na quinta colocação.

O pódio da profissional - Foto: Lima Junior

A GRANDE FINAL

Amando, que havia ficado com a sétima colocação na primeira etapa, precisava, além de vencer, contar com o tropeço de seus adversários em uma disputa direta pelo título. Como o principal deles, Israel Júnior, vencedor da primeira etapa, caiu ainda nas quartas de final, o caminho estava aberto. E enquanto uma disputa eletrizante acontecia na água, outra batalha era travada fora dela, essa com os números.

O cenário era o seguinte: Edvan Silva-CE e Amando Tenório-AL precisavam vencer, pois, estavam empatados em número de pontos até ali, já que ambos haviam finalizado a primeira etapa do circuito na sétima colocação. Já o potiguar Israel Júnior tinha de torcer por uma vitória do capixaba Krystiam Kymmerson ou do cearense José Wilson, os outros dois finalistas. Só assim o título continuaria no RN, já que em 2019 o Campeão foi o potiguar Alan Jhones.

Edvan Silva - Foto: Lima Junior 

A liderança da grande final passou pelas mãos de todos os finalistas, mas foi o alagoano quem conseguiu se conectar melhor com as ondas da Taíba para arrancar os maiores scores dos árbitros e faturar os títulos do evento e do circuito na principal categoria da competição, que foi finalizada com o seguinte resultado:

Amando Tenório-AL em primeiro, Krystian Kymmerson-ES em segundo, Edvan Silva-CE em terceiro e José Wilson na quarta colocação.

Israel Junior -  Foto: Lima Junior

"Estou muito feliz por ganhar o circuito mais difícil do Brasil. Confesso que não esperava vencer, mas estou muito feliz por ter conquistado esse importante resultado. Quero dedicar essa vitória ao meu pai, que me ensinou a surfar e sempre acreditou em mim, mesmo quando os resultados não vinham", declarou o campeão. Com o resultado Amando Tenório se tornou o primeiro surfista alagoano a vencer o Circuito Cearense de Surfe em seus mais de 30 anos de história.

SURFE ADAPTADO

Quem também deu show nas ondas da Taíbinha foram os atletas da categoria Surfe Adaptado. Capitaneados pelo Campeão Mundial Roberto Pino-PE, os atletas fizeram uma belíssima apresentação que abrilhantou a festa do surfe cearense.

José Wilson  - Foto: Lima Junior

LEGENDS

Também entraram na água neste domingo os atletas da Kahuna, Master, Longboard e Feminino, com a Fase 1. Destaque para o retorno triunfal após mais de 20 anos longe das competições do Legend cearense Adriano Fonseca Pambenil, que venceu sua bateria. Para Amélio Júnior, o Circuito Cearense é um dos mais hospitaleiros do Brasil e isso faz com que sempre tenhamos muitos atletas visitantes em busca da premiação e do status de vencer um dos mais competitivos circuitos do Brasil:

"O Circuito Cearense de Surfe sempre fez questão de acolher com uma hospitalidade típica do nosso povo todos os visitantes que queiram contribuir para o desenvolvimento do surfe cearense e nordestino. Sempre fizemos questão de deixar nosso circuito aberto por acreditar que isso fortalece nossos atletas e contribui para que o nível do surfe em nosso estado esteja sempre em ascensão", declarou o dirigente.

Krystian Kymmerson  - Foto: Lima Junior

PREMIAÇÃO

A premiação do MARESIA Pro Taíba será composta de R$ 10.000 (dez mil reais) em dinheiro, que serão distribuídos entre os Profissionais de acordo com suas respectivas colocações. Para os Amadores a premiação será composta por 12 Blocos Teccel + 56 Kits MARESIA + 56 Troféus.

TRANSMISSÃO AO VIVO

O evento está sendo transmitido Ao Vivo e pode ser acompanhado na íntegra através do link: http://surfbyte.com.br/aovivo . Você também pode conferir todos os resultados e o cronograma do evento (sujeito a alterações) através deste link.

 

Comentários